em99t

fazer login globo esporte

O líder do União Brasil na Câmara, deputado federal Elmar Nascimento (BA), reclamou da falta de deputados entre os ministros no governo federal. A queixa acontece em meio a uma crise entre a Casa Legislativa e o Planalto. Em entrevista a um podcast do jornal O Globo, o parlamentar questionou a quantidade de senadores escolhidos para as pastas em detrimento da representatividade da Câmara, especialmente agora com uma iminente reforma ministerial do presidente Lula (PT). VEM AÍ?Mc Pipokinha pode investir em nova carreira; saiba qual ECONOMIA & MERCADOPix bate novo recorde e registra quase 250 milhões de transações em 48 horas "Na montagem do governo - é claro que isso pode ser corrigido ao longo do tempo, minorado sem troca de pessoas - houve nos espaços reservados a vários partidos um desequilíbrio no sistema bicameral em que houve uma supervalorização do Senado em detrimento da Câmara. Você tem, no mínimo, e em pastas muito mais relevantes, três para um nessa relação Senado e Câmara", disse Elmar Nascimento. window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-1-area" }); O Senado conta com sete ministérios no governo. Educação, com Camilo Santana (PT-CE); Justiça, Flávio Dino (PSB-MA); Agricultura, Carlos Fávaro (PSD-MT); Simone Tebet (MDB-MS); Alexandre Silveira (PSD-MG), nas Minas e Energia; Desenvolvimento Social, Wellington Dias (PT-PI); e Renan Filho (MDB-AL), dos Transportes. A Câmara, no entanto, tem seis nomes. Juscelino Filho (União-MA), nas Comunicações; Daniela do Waguinho (União-RJ), ministra do Turismo; Marina Silva (Rede-SP), Meio Ambiente; dos Povos Originários, Sônia Guajajara (PSOL-SP); das Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT-SP); e Luiz Marinho (PT-SP), no Trabalho. window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-2-area" });