• Facebook

    Verslagen

    Notícia publicada em 23 de Janeiro de 2007 por equipe_tr
    [Santa Catarina]: Florianópolis – Lagoa da Conceição com Ondança

    A convite da ONDANÇA, fomos fazer um passeio de barco para conhecer melhor a Lagoa da Conceição: um dos principais cartões postais de Florianópolis.

    Já no embarque pudemos sentir um bom astral entre os outros integrantes do grupo – sem falar na energia do casal que comanda a Ondança: Dieter e Annemaria.

    Assim que começamos a navegar, todo mundo foi pra proa e o Dieter promoveu uma apresentação geral do grupo. Cada um falou sobre si e, de repente, já estávamos todos integrados e conversando sobre tudo. Esta é uma grande vantagem de viagem em grupos: temos sempre a possibilidade de ganhar novos amigos, trocar experiências, e nos divertir com pessoas novas.

    Atravessamos a Lagoa da Conceição e fomos até o Rio Vermelho, bem no final da Lagoa – o máximo que a embarcação conseguia chegar. Lá é um lugar especial…  o Dieter desligou os motores, ficamos em silêncio, e deslizamos ao sabor da brisa. Estávamos rodeados de natureza por todos os lados. Pudemos observar os pássaros e a exuberante mata à beira da lagoa. Estávamos tranquilos. Em sintonia. Foi uma delícia!

    Depois rumamos a Praia do Saquinho, que fica ali próximo. Para chegar nela, só a pé ou de barco. Estava vazia. Tranquila. Caminhamos pela praia, bebemos água numa bica, tomamos um bom banho de lagoa, e depois a Annamarie nos serviu uma deliciosa caipirinha.

    De volta à Ondança, fomos para a Costa da Lagoa: uma comunidade de nativos tombada pelo município como Área de Preservação Cultural, onde também só se chega a pé ou de barco.

    Aportamos e fomos direto para a Cachoeira da Costa – a mais alta da ilha, com duas quedas dágua e piscina natural. Mas antes dos banhos refrescantes seguimos pela trilha até o mirante. A vista dali é linda! Estávamos derretendo de calor e, na descida, paramos para uma ducha nas águas revigorantes da Cachoeira: que delícia!

    Hora do almoço!  Retornamos à beira da Lagoa e, ao percorrer os estreitos caminhos da vila, pudemos perceber que ali os nativos ainda preservam seus hábitos antigos. Até poucas décadas atrás, os moradores viviam da pesca, dos engenhos de farinha, e da plantação de milho e mandioca. Com a chegada do Turismo, as famílias com propriedades à beira da lagoa abriram restaurantes para atender aos turistas; mas a pesca artesanal ainda é bastante praticada.

    Ao escolher um restaurante para o seu almoço, recomendamos que você peça para conversar com o proprietário e pergunte a ele sobre a rotina da pesca e a história da comunidade. Você certamente vai se surpreender com as histórias que vai ouvir, e seu almoço será muito mais saboroso. Nós optamos pelo restaurante Lagoa Azul.

    Após o almoço a Ondança nos levou para conhecer o Canal da Barra: a única ligação entre a Lagoa da Conceição e o Mar. À beira do canal a maioria das casas já são modernas, grandes, luxuosas…   mas ainda pudemos ver algumas casas de pescadores, e imaginar como era a paisagem por ali antes do turismo chegar.  Fomos até a ponte pênsil que liga a Praia da Barra da Lagoa ao morro do Farol da Lagoa. A Barra da Lagoa é o maior núcleo pesqueiro da ilha, e no caminho pudemos observar muitos barcos de pesca e vários nativos trabalhando com suas redes e seus equipamentos de pesca.

    No fim do dia, retornamos ao ponto de partida e todos nós estávamos muito felizes por termos passado um dia agradabilíssimo. Trocamos telefones, emails, e nos despedimos.

    Obrigado Dieter !
    Obrigado Annamarie !
    Obrigado a todos que participaram do passeio !
    Serviços:
    ONDANÇA – Passeios Personalizados

    Trip around the Lagoon

    Sunday is a special day for me, especially when I go on a boat trip around the magic Conceição Lagoon.
    The trip was provided by Dieter, the captain of Ondança boat. He runs tours in the lagoon, canal da barra and also to the nearby islands.
    The weather was suspicious in the morning: a light rain pouring with some clearings in the clouds, but during spring don’t trust what you see.
    We embarked around 10:00 am on a pier located at the end of Rendeiras avenue. We started exploring the canal da barra, where the lagoon connects with the sea, an interesting tour where you see waterfront houses, typical vegetation, birds and fishermen communities doing their work.
    Out of the canal we headed to Costa da Lagoa, another community located in the Northwestern part of the lagoon, popular for the waterfront seafood restaurants. At this time the weather has changed in to a fantastic bright suny day. The hills covered with Atlantic forest and the Guarapuvu trees with blooming flowers make a fantastic scenery. We reached our first stop, the Lagoa Azul restaurant, around 13:00 and while our lunch was being cooked we visited a local waterfall – which unfortunately was dry because of the recent low rainfall – and also climbed up to an outlook to see the lagoon from another perspective.
    The lunch, included in the tour, was delicious and we spent the time having good conversation until we decided to go to the last part of the tour, the northern part of the lagoon where is located a sand strip called Saquinho. We stopped there for a while having drinks and chatting. The friendly atmosphere of the boat was the special ingredient that made the trip so pleasant. After that we departed to Rio Vermelho river mouth, enjoying the beautiful nature around us. Dieter and Annemarie, owners of Ondança, have an immense respect for the nature and care about preservation, aspects that reflect the way the tours are conducted.
    And then around 16:30 we navigated back to Rendeiras avenue to end our trip. The sun, the colors, the wind, everything was perfect in this lovely Sunday late afternoon.
    Ondança has many types of tours and also charters for groups. For more information please visit the website www.ondanca.com .

    Quarta-feira, 25 de Outubro de 2006

    Dica quente de passeio em Floripa

    O barco Ondança faz passeios pela Lagoa da Conceição e mar dos arredores. É conduzido pelo simpático casal Dieter e Annemaria – ele suíço, ela holandesa. Lotação pra 24 pessoas com conforto, charters de dia e de noite, banheiro e bar a bordo, escada pra mergulho, equipamentos de segurança ok, atendimento em português, espanhol, inglês, holandês e alemão. Fiz esse passeio no verão passado e adorei.

    Por Dauro Veras

    Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2006

    Um dia na Lagoa

    Certos dias de verão em Floripa reservam aos viventes a mais genuína satisfação por simplesmente ser e estar. Ontem, a convite dos amigos Matosinho e Joana, de São Paulo, meu sogro Augusto e eu fizemos um delicioso passeio de barco pela Lagoa da Conceição. A idéia era ir até o mar, mas mudamos de rota porque o vento tava meio forte. Percorremos o canal da Barra até quase a foz e retornamos pra um cantinho abrigado do vento, ao lado de um morro verde e rochoso perto da praia Mole. Nadamos e boiamos até o sol se pôr. A água tava irresistível, morna e envolvente como um útero. Os donos do barco Ondança , o suíço Dieter e a holandesa Ana, são um simpático casal de viajantes de bem com a vida, com muita história pra contar. Eles fazem passeios diurnos e noturnos com saída no final da avenida das Rendeiras. Também fretam o barco pra charter até as ilhas próximas.

    Por Dauro Veras

    Ondança 2012 - Todos os direitos reservados